© Design de Laura Machado | Criado com Wix.com

RESENHA: 281 Dias para Recuperar um Sorriso (Marine, Vanessa)

September 8, 2019

Sinopse:

Amanda Horstmann foi expulsa do time de futebol da escola, sua maior paixão, e no dia seguinte descobre que sua falecida mãe, em vida, compôs uma música para seu pai. Motivada por essa descoberta, decide aprender a tocar essa música para o pai, na esperança de que ele volte a sorrir como antes de se tornar viúvo, mas há um problema: Amanda mal sabe segurar um violão.É nesse momento em que Fernando Amargo, filho do ex-treinador da Amanda e ex-guitarrista de uma banda de rock, surge precisando de aulas de futebol. Por falta de uma opção melhor, Amanda e Fernando então decidem fazer uma troca, em que um ensinará ao outro o que precisa ao longo de um ano. Porém, o que acontece quando um garoto se submete a ter aulas de futebol com uma garota? E como fica o coração dessa garota ao ajudar o filho da pessoa que ela mais detesta a realizar um sonho que é dela? E o que fazer quando recuperar a felicidade do seu próprio pai te leva a caminhos incertos?281 Dias Para Recuperar Um Sorriso é um romance emocionante e divertido que narra a história de uma protagonista obstinada a fazer seu pai feliz e a tentar conhecer mais sobre a mãe que nunca teve, nem que isso signifique ter de adiar o seu próprio sonho.

 

O QUE EU ACHEI:

 

Depois de me decepcionar tanto pelo mundo dos livros, já adquiri a mania de não confiar em livros que só tenham resenhas positivas e com mais de 4 estrelas. Super aconselho todo mundo a desconfiar quando não consegue encontrar uma única resenha negativa, mas garanto que podem confiar nessa resenha aqui!

 

 
É claro que eu esperava gostar do livro, já que quis tanto comprar, mas definitivamente não achava que ia me divertir tanto! Comecei rindo alto desde o primeiro capítulo (cheguei até a contar algumas cenas e explicar para outras pessoas rirem comigo - em vez de só ficarem me olhando como se eu fosse estranha) e não parei mais. A melhor parte do livro todo é a Amanda e os comentários que ela faz pela narrativa! Se ela fosse mais assim fora da sua cabeça, tenho certeza de que teria milhares de amigos e seria considerada a pessoa mais engraçada do colégio. Eu adoraria ser sua amiga!

Mas não me surpreendi só com o quanto ri, não. Me surpreendi mais ainda com o quanto chorei, em questão de quantidade e intensidade. Admito que a primeira vez foi perto do começo, mas ficou mais frequente conforme chegava ao final. Teve uma hora em que precisei parar de ler e me mandar engolir o choro, porque não estava conseguindo terminar o livro.

Só tenho duas pequenas críticas para o livro mesmo, críticas que não diminuíram o quanto eu me diverti e fiquei tocada com a história. Primeiro, a falta de personagens femininas essenciais na história. Deu para ver que a Vanessa estava tentando compensar isso com as novas amigas da Amanda, mas, se você pensar, não teria feito muita diferença na história se elas não existissem. Acho mega válido que elas estavam ali, mesmo como estavam, só queria mais cenas significativas entre elas. Mais - ou seja, teve pelo menos uma que contribuiu para um desenvolvimento da protagonista, mesmo que paralelo, mas eu queria mais.

A outra é algo que eu super perdoo - porque tenho quase certeza de que faço também. Esse é o primeiro livro da autora, que ela aparentemente começou a escrever quando tinha 15 anos de idade (sim, eu li tudo e não estou mentindo na cara larga - o que quer que isso signifique! Haha). O livro não parece ter sido escrito por alguém tão inexperiente e, na sua maioria, é muito bem escrito. Mas, de vez em quando, senti que a Amanda estava contando e explicando as coisas em vez de narrá-las e de descrevê-las. Essa é a única coisa na qual acho que o livro realmente poderia ter sido melhor.

 

Tá, também acho que o romance merecia muito mais destaque do que teve, mas, como esse livro não tem esse foco, foi na medida certa! O que posso fazer se sou romântica? Nada, infelizmente.

Super recomendo o livro, tenho certeza de que todo mundo vai rir e chorar como eu (ou talvez não, sou muito chorona para livro, é vergonhoso até) e vai se emocionar com a história da Amanda e do seu pai! Vou ficar mega atenta para futuros livros da autora, que espero não demorarem para serem publicados também!

Please reload

Curta

Sobre a Autora

Laura Machado

Laura Vieira Machado nasceu em Minas Gerais em 1991. É formada em Moda pela Faculdade Santa Marcelina, de São Paulo. Fala cinco línguas e, quando tinha vinte anos, foi morar na Europa durante dez meses, alternando entre Alemanha, França e Espanha, aproveitando para visitar vários outros países e colecionar memórias inesquecíveis. Na Inglaterra, fez questão de conhecer a casa onde morou Jane Austen, uma de suas autoras preferidas. É mais viciada em café do que Elisa Pariseau. Assiste a muitas séries e não conseguiria viver sem música. É apaixonada por livros românticos e intensos. Escreve o que lhe dá vontade de ler.

Siga a Autora

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon
  • White Instagram Icon
  • skoob

A Princesa Escondida

Primeiro livro da série, A Princesa Escondida foi publicado em Junho de 2017 pela Editora Novo Século, com o selo Talentos da Literatura Brasileira. 

Sobre o Livro

Primeiro livro da série, A Princesa Escondida foi publicado em Junho de 2017 pela Editora Novo Século, com o selo Talentos da Literatura Brasileira. 

Para comprar,

clique aqui.

A Princesa Escondida

Você concorda? Discorda? Quer falar alguma coisa? Deixe um comentário ou me mande uma mensagem por aqui.